Atlético-PR x Atlético-MG: Saiba todas informações do jogo e como assistir

Athletico-PR e Atlético-MG entram em campo neste sábado, 12 de dezembro, às 17h, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Furacão e Galo estão em disputas distintas na competição. Enquanto os paranaenses, na 12ª posição, com 28 pontos, briga para chegar ao G6 que leva à Libertadores 2021, o Galo ainda sonha com o título nacional, apesar da distância de sete pontos para o líder São Paulo.

E, o time mineiro aposta justamente em um resultado positivo em Curitiba para “secar” o rival no clássico contra o Corinthians e no confronto direto entre eles, quarta-feira, 16, poder ter a chance de reduzir desvantagem Tricolor para apenas um ponto.

O jogo não terá transmissão de TV, pois o Furacão não possui contrato para exibição na TV fechada, ou Pay per view. Confira abaixo, na ficha da partida como acompanhar o duelo.

Data-Horário: 12 de dezembro, às 17h
Estádio-Local: Arena da Baixada- Curitiba – (SP)
Árbitro:Vinicius Gonçalves Dias Araújo (RJ)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro(SP) e Anderson José de Moraes Coelho(SP)
VAR:Marcio Henrique de Gois (SP)

Escalações

Athletico-PR: Santos; Erick, Pedro Henrique, Zé Ivaldo (Felipe Aguilar) e Abner; Richard, Christian e Léo Cittadini; Nikão, Carlos Eduardo e Renato Kayzer.. Técnico: Paulo Autuori

Atlético-MG: Everson; Guga, Igor Rabello, Réver, e Guilherme Arana; Allan, Hyoran, Keno, Savarino, Vargas e Sasha. Técnico: Jorge Sampaoli

Palpites: o Furacão é favorito para 40% da redação, como o Galo que tem também 40% de apostadores. Os 20% restantes creem no empate.

Resultado

Atlético-MG venceu o Athletico por 1 a 0neste sábado, na Arena da Baixada, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com grande atuação de Keno, que perdeu pênalti, mas deu assistência para o gol de Vargas, o Galo continua forte na briga pelo título do Brasileirão e agora torce para um tropeço do São Paulo. O Furacão, por outro lado, perdeu a terceira seguida na Série A e continua em momento delicado na luta contra o rebaixamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *