agosto 8, 2020

Fortaleza x Atlético-PR Informações e como assistir a partida

Por admin

A bola vai rolar no Campeonato Brasileiro! Abrindo a primeira rodada, Fortaleza e Athletico-PR entram em campo neste sábado (8), às 19h (de Brasília), no Castelão. O duelo não terá transmissão ao vivo na TV. 

O Fortaleza contou com a semana livre para se preparar para a estreia do Campeonato Brasileiro, com o técnico Rogério Ceni tendo todo o elenco à disposição para o confronto.

“Todo o trabalho é visando isso. Buscamos estar sempre corrigindo os erros, não só dos jogos, mas durante o treinamento. Procuramos sempre a melhora e dar o máximo. Foram erros importantes que nos tiraram da grande final. O trabalho é para isso (corrigir). Rogério é um técnico muito experiente e inteligente, tem sempre essa visão alongada”, disse Paulão.

Éderson ainda demonstrou muita confiança no grupo e afirmou que a equipe vai com tudo para vencer o Furacão.

“Vamos enfrentar uma grande equipe e precisamos ter intensidade para começarmos nossa caminhada na Série A com uma vitória. Esse é o objetivo de todos. Sabemos da força do Athletico, mas estamos preparados”, apontou.

Por outro lado, o Athletico-PR chega embalado após vencer o Coritiba e conquistar o título do Campeonato Paranaense no meio da semana.

O Furacão conta com sete reforços confirmados: Edu, Felipe Aguilar e Pedro Henrique, Jaime Alvarado e Richard, além de Geuvânio e Walter.

Provável escalação do Fortaleza: Felipe Alves; Gabriel Dias, Quintero, Paulão e Bruno Melo; Felipe, Juninho e Romarinho; Osvaldo, David e Wellington Paulista. Técnico: Rogério Ceni.

Provável escalação do Athletico-PR: Santos; Khellven (Erick), Thiago Heleno, Felipe Aguilar e Márcio Azevedo (Abner); Wellington, Léo Cittadini e Marquinhos Gabriel (Richard); Nikão, Geuvânio e Bissoli (Walter).

Resultado

FORTALEZA 0 x 2 ATHLETICO-PR

Em partida na noite deste sábado (8) na Arena Castelão, o Furacão neutralizou o Tricolor e venceu a partida por 2 a 0. Vitinho e Léo Cittadini marcaram os gols do jogo, ambos no primeiro tempo. Irreconhecível, o Leão de Rogério Ceni mostrou atuação muito abaixo da média e ainda perdeu Quintero, expulso no segundo tempo.