Real Madrid x Chelsea: Saiba como assistir e notícias da partida | Fut Online

Real Madrid x Chelsea: Saiba como assistir e notícias da partida

Real Madrid e Chelsea dão o pontapé inicial para a semifinal da Champions League nesta terça-feira, às 16h (horário de Brasília). O clube espanhol tem a vantagem de jogar em casa na primeira partida, mas vive momento irregular, enquanto os ingleses são tratados como zebra, mas contam com a melhor defesa do torneio.

Treinadores

– É uma semifinal e será complicado. Temos que estar atentos, defender bem e criar ocasiões. Precisamos da nossa melhor versão para fazer dano diante do Chelsea. Os ingleses fizeram bom trabalho, possuem uma equipe muito experiente também e estão aqui – avaliou Zidane.

Data e horário: 26/4/2021, às 16h (de Brasília)
Local: Estádio Alfredo Di Stéfano, em Madri (ESP)
Onde assistir: TNT

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES:
REAL MADRID (Técnico: Zidane)

Courtois; Carvajal, Varane, Militão e Nacho; Casemiro, Kroos e Modric; Asensio, Benzema e Vinícius Júnior

Desfalques: Sergio Ramos, Lucas Vásquez e Mendy (machucados). Valverde (suspenso)

CHELSEA (Técnico: Thomas Tuchel)
Mendy; Azpilicueta, Thiago Silva e Rudiger; James, Jorginho, Kante e Chilwell; Mount e Werner; Havertz

Desfalques: Kovacic

(machucados)

Resultado

Resumão

Está tudo aberto. E graças a Benzema. Com gol histórico do francês, o Real Madrid empatou por 1 a 1 com o Chelsea nesta terça, no Alfredo Di Stéfano, em jogo de ida pela semifinal da Champions. Em jogo equilibrado e com sete brasileiros, o time inglês criou mais chances e agora precisa apenas de um 0 a 0 em Londres para ir à final. Uma pequena vantagem para uma equipe que sofre poucos gols e é mandante na partida decisiva.

QUAL A SITUAÇÃO?

O Chelsea vai para o jogo da volta com ligeira vantagem. Após o 1 a 1 em Madri, o time de Thomas Tuchel precisa de um 0 a 0 em Londres para ir à final. É um trunfo para o treinador alemão, que em 22 partidas à frente dos Blues, não levou gols em 16 delas. Um novo 1 a 1 leva a decisão para prorrogação e pênaltis. O Real Madrid passa se empatar com dois gols ou mais. O jogo da volta é na quarta, dia 5, em Stamford Bridge. O Real tenta chegar à sua 17ª final. O Chelsea busca a terceira. Veja a tabela da Champions!

SOB CHUVA, MUITO EQUILÍBRIO

Real Madrid e Chelsea tiveram 50% de posse de bola cada e quase o mesmo número de finalizações: nove dos espanhóis, contra 11 dos ingleses. Mas os visitantes foram melhores. O time de Thomas Tuchel criou as chances de maior perigo e aproveitou vários espaços na primeira etapa. Aos 13, Rüdiger lançou Pulisic na esquerda, o norte-americano dominou na área, se livrou de Courtois e balançou as redes para ser o primeiro de seu país a marcar um gol em semifinal de Champions. Os donos da casa sofreram com a falta de espaços.

O sopro criativou ficou nos pés de Benzema. Ele acertou a trave em lindo chute de canhota, da intermediária, mas não erraria pouco depois. Aos 28, ele aproveitou desvio de Militão, de cabeça, após cobrança de escanteio e acertou belo voleio: 1 a 1. A segunda etapa foi menos movimentada. O Chelsea tentou renovar seu fôlego com as entradas de James, Ziyech e Havertz, mas esbarrou na falta de pontaria e na boa fase de Militão, um dos melhores em campo. O Real assustou apenas em chute de fora de Kroos e cabeceio de Varane, ambos para fora.

NA HISTÓRIA

Benzema, mais uma vez, salvou o Real Madrid. Marcou pela quarta semifinal diferente com a camisa da equipe. O francês chegou ao seu 28º gol na temporada, o sexto pela Champions. É o artilheiro do time. E mais. O atacante agora tem 71 gols pelo torneio continental e igualou Raúl González na artilharia histórica da competição. Apenas Cristiano Ronaldo (134), Messi (119) e Lewandowski (73) estão à frente do camisa 9 merengue.

BRASILEIROS DOMINAM

Nenhuma outra nação esteve tão representada quanto o Brasil nesta semifinal. Foram seis brasileiros em campo, sete se considerado também o volante Jorginho, naturalizado italiano. Pelo Real Madrid, Militão, Marcelo, Casemiro e Vini Jr. foram titulares. Rodrygo entrou na segunda etapa. No Chelsea, Thiago Silva foi titular.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *