Santos x San Lorenzo: Saiba como assistir e notícias-todas | Fut Online

Santos x San Lorenzo: Saiba como assistir e notícias-todas

Pelo jogo de volta da terceira fase da Copa Libertadores, o Santos recebe o San Lorenzo nesta terça (13/04/2021), às 21h30, no estádio Mané Garrincha, em Brasília, com a vantagem de poder perder por um gol de diferença ou por 2 a 0 que ainda assim garante vaga na fase de grupos da competição. No jogo de ida, semana passada, o Peixe venceu o adversário por 3 a 1.

Na ida, na Argentina, o Peixe venceu por 3 a 1 e se aproximou da vaga. De lá para cá, o Santos entrou em campo no último fim de semana e empatou sem gols com o Botafogo-SP no retorno do Campeonato Paulista. Ariel Holan optou por descansar os titulares e escalou apenas reservas.

Como o Peixe marcou três gols na Argentina, pode até perder por 2 a 0 que garante a classificação. O San Lorenzo precisa vencer por três ou mais gols de diferença (ou dois, desde que faça pelo menos quatro gols no Peixe). Se os argentinos devolverem o resultado da ida, a decisão irá para as penalidades.

Para o confronto desta terça, o técnico Ariel Holan deve fazer mudanças nas duas laterais. No último treino antes do jogo, o treinador testou Madson na lateral direita e deslocou Pará para a lateral esquerda. Com isso, Felipe Jonatan foi para o meio-campo na vaga ocupada por Vinícius Balieiro no jogo de ida.

No ataque, Soteldo pode voltar ao time titular. Nesse caso, ele poderia entrar na vaga de Gabriel Pirani ou de Lucas Braga. Kaio Jorge, que voltou aos gramados no empate contra o Botafogo pelo Paulistão, deve ficar no banco de reservas.

Data e hora: Dia 13 de abril de 2021, às 21h30 (horário de Brasília)
Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Árbitro: Esteban Ostojich (URU)
Assistentes: Martin Soppi (URU) e Gustavo Tejera (URU)

Como e onde assistir: SBT, Conmebol TV.

Escalações

Santos – Técnico: Ariel Holan

Os titulares do Santos tiveram a semana livre para treinar, já que foram preservados do jogo contra o Botafogo-SP no fim de semana. Holan pode promover algumas mudanças na equipe, como a entrada de Soteldo no lugar de Lucas Braga.

Quem está fora: Sandry, Raniel e Jobson (departamento médico) e Carlos Sánchez (transição de lesão).

Pendurados: ninguém.

João Paulo, Madson, Kaiky Fernandes, Luan Peres e Pará; Alison, Felipe Jonatan e Gabriel Pirani; Marinho, Marcos Leonardo e Lucas Braga.

San Lorenzo – Técnico: Diego Dabove

Os argentinos vêm a Brasília com mudanças em relação ao time que entrou em campo no primeiro jogo. Braghieri e Palacios, titulares na ida, se lesionaram e estão fora. Os irmãos Romero devem começar jogando, e Nicolás Fernández deve voltar ao ataque.

Quem está fora: Diego Braghieri, Yeison Gordillo e Julián Palacios.


José Devecchi; Herrera o Peruzzi; Federico Gattoni, Alejandro Donatti, Bruno Pittón; Óscar Romero, Diego Rodríguez, Juan Ramírez; Ángel Romero, Nicolás Fernández e Franco Di Santo.

Resultado

Classificação com emoção

Santos avançou à fase de grupos da Copa Libertadores depois de viver alguma emoção e ceder o empate por 2 a 2 ao San Lorenzo, na noite desta terça-feira, em Brasília, pelo jogo de volta da terceira fase – o Peixe já havia vencido a partida de ida por 3 a 1, em Buenos Aires. O time de Ariel Holan abriu dois gols de vantagem, com Marcos Leonardo e Pará, ficou com um jogador a mais após a expulsão de Rojas, mas mesmo assim sofreu no fim. O San Lorenzo buscou o empate com Di Santo e Ángel Romero, martelou e fez do goleiro João Paulo o melhor jogador da partida: foram grandes defesas no fim, principalmente em uma cabeçada de Óscar Romero. O sonho do tetra continental está vivo, mas o Santos precisa tirar lições dessa atuação para não ter novos sustos no futuro.

Como fica?

O Santos estreia no Grupo C da Libertadores na próxima terça-feira, contra o Barcelona de Guayaquil, em casa, às 19h15 (de Brasília) – The Strongest e Boca Juniors são os outros times da chave. Já o San Lorenzo tem como “prêmio de consolação” a Copa Sul-Americana: vai para o Grupo A, ao lado de Rosario Central, Huachipato (Chile) e 12 de Octubre (Paraguai).

Pistolou!

Marinho teve atuação regular, o Santos já vencia por 2 a 1, e Ariel Holan decidiu substituí-lo por Lucas Braga aos 21 minutos do segundo tempo. O camisa 11 saiu com cara de poucos amigos, não cumprimentou o técnico e desceu direto para o vestiário do estádio Mané Garrincha. Pouco depois, mais calmo, ele voltou para o banco de reservas.

Menino experiente

Entre tantos garotos que têm brilhado pelo Santos no início de temporada, Marcos Leonardo já é um “veterano” aos 17 anos. Autor de um dos gols em Brasília, o atacante já havia marcado na edição passada da Libertadores, contra o Defensa y Justicia, e tem ganhado minutos sob comando de Ariel Holan. Mais uma boa opção para o Peixe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *